RSS Feed

Como diminuir o consumo do sal mantendo a comida salgadinha

Posted on

A pizza costuma ter altas doses de sal, principalmente devido ao queijo e a outros elementos do recheio, como embutidos, por exemplo. Procure opções mais lights como ricota, catupiry, mussarela de búfula e folhas verdes

Segundo trouxe estes dias o blog Gororobas do Brasil, existe atualmente uma grande preocupação, por parte da Sociedade Brasileira de Hipertensão(SBH), quanto ao consumo excessivo de sal pela população brasileira. Pelo que indicam as mais recentes pesquisas, o brasileiro consome em média 12g por dia, sendo que o recomendado é de 2,5g. Logicamente, a consequência direta deste desse exagero é o alto índice de infartos, entre outras patologias.

Como sabemos que hábitos são muito difícieis de mudar, mais fácil do que simplesmente cortar 100% o sal da dieta (já que o sódio que precisamos está distribuído em vários alimentos in natura), podemos tentar algumas dicas que tornam a comida saborosa e saudável, sem os malefícios do sal:

  • Ao invés de salgar o alimento cru, salgue só depois de cozido, pois no processo de cozimento o alimento absorve a água e o sal contido nela. Dessa forma, você irá colocar menos;
  • Aproveite para ser mais criativo e crie seus próprios molhos e temperos, pois os prontos contém aditivos químicos e são ricos em sal;
  • Existem muitas opções para beliscar, sem se utilizar de salgadinhos industrializados. Busque por receitas de legumes desidratados, castanhas torradas e biscoitos caseiros, que, além de conterem menos sal, também serão muito mais nutritivos;
  • Peça sempre comida sem sal nos restaurantes e bares, assim, você também controla a quantidade;
  • Para a comida ter sabor, não é preciso se concentrar apenas no sal. Muitos temperos podem dar conta do recado, como cheiro-verde, pimenta-do-reino, cominho, manjericão, orégano, tomilho, etc;
  • Aproveite cada minuto da refeição. Você verá que quanto menos automático for este momento, menos excessos você irá cometer.
About these ads

About Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, já trabalhei em emissoras de TV, produtoras de vídeo e cinema, além de ter sido assessora de imprensa de um órgão do Governo do Estado de São Paulo. De 2008 a 2011 me envolvi com a área de internet do Grupo Corrêa Neves de Comunicação em Franca, cidade do interior paulista para a qual me mudei para ter mais qualidade de vida e bem-estar. Dessa forma, pude me dedicar mais intensamente ao tarô, com o qual tenho uma vivência de 17 anos e mais de 5 mil atendimentos, e outros assuntos holísticos, escrevendo artigos e realizando consultas. Atualmente resido em Petrópolis, no Rio de Janeiro, tendo assumido completamente minha profissão de taróloga – que passou a ser reconhecida pelo ministério do trabalho desde 2002 – e atendo preferencialmente por chat e email.

One response »

  1. Olá, Vanessa!!!
    Gostaria apenas de dizer que teu blog é muito bom!!!!
    Sinto um bem imenso a cada leitura!!
    Te desejo muito sucesso!!!

    Abraço,
    Dafne Rosa

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 71 outros seguidores

%d bloggers like this: